Representatividade e pluralidade de vozes

Alunas realizam evento para marcar a semana da Consciência Negra

Meninas da Consciência Negra – Coletivo Abayomi Entre Nós

“Força, resistência e representatividade”. Para Sthephanie Reis, do 7° período de Jornalismo, essas são as palavras que definem o Coletivo Abayomi  Entre Nós, idealizado no final de outubro pela própria aluna, em conjunto com outras estudantes negras do Treze e de outros cursos da PUC.  O grupo, cujo nome significa “encontro precioso”, surgiu durante a Jornada das Utopias, inspirado por uma das palestras que tratava sobre racismo. A primeira ação das garotas será a realização do evento AfroPUC, que acontecerá entre 13 e 17 de novembro, em parceria com o DCE.

Durante quatro dias, serão oferecidas oficinas de dança, maquiagem em pele negra e Abayomi, além de rodas de conversas sobre colorismo, apropriação cultural e transição capilar. A maior parte das atividades acontecerá no Teatro Arena, próximo ao DCE.

“Precisamos desse tipo de iniciativa porque é de extrema urgência discutir a questão racial em uma universidade em que alunos e professores negros sofrem racismo, em vários contextos”, avalia a aluna Ana Luísa Santos.

Ela foi também a responsável pela produção das fotos da exposição “Re(Existência)”, que fará parte do AfroPUC. “Tive a ideia da exposição também durante a Jornada das Utopias. Junto com a Stephanie, pensei em representar os estudantes negros do Treze nessas fotos, marcando a data da Consciência Negra”.

Francielle Fernanda, do 2° período de Jornalismo, conta que a Universidade pode ser um lugar solitário para quem é negro. “Eu, por exemplo, sou a única negra da minha sala. Isso mostra que ainda precisamos reivindicar melhorias”, afirmou. Francielle ressalta também que o coletivo irá propor discussões que abordam tanto a questão racial quanto a temática da luta das mulheres.

Ana Clara Mota, do 2º período de Cinema, conta que também é a única negra da sua sala. “O racismo dentro da universidade muitas vezes não é explícito, mas permeia diversas relações. Precisamos desse tipo de iniciativa para mostrar  nossa voz”, afirmou.

A programação completa do AfroPUC pode ser conferida aqui no site da FCA. Mais informações na página do Coletivo Abayomi Entre Nós.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *